Sars eleva desemprego em Hong Kong

A taxa de desemprego em Hong Kong voltou ao nível recorde de 7,8% entre fevereiro e abril, anteriormente registrado em meados de 2002. O Departamento de Estatísticas e Censo de Hong Kong e economistas atribuírama elevação no nível de desemprego à epidemia causada pela Sars. A taxa superou a estimativa dos analistas ouvidos pela Dow Jones, de 7,7%. No período entre janeiro e março, a taxa estava em 7,5%. O departamento informou que a Sars atingiu especialmente as indústrias, como as de construção, de varejo, de restaurantes, de turismo e de manufatura. Economistas alertaram prever piora em tal situação nos próximos meses. Alguns acreditam que a taxa de desemprego poderá superar 8% entre março e maio.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.