Sarney se encontra com aliado e diz que houve ''''advertência''''

À noite, após a absolvição do presidente do Congresso pelos colegas em plenário, o senador José Sarney (PMDB-AP) comentou que o resultado da votação no Senado "foi uma advertência que deve ser observada". Sarney e os senadores Romero Jucá (PMDB-RO) e Edison Lobão (DEM-MA) reuniram-se ontem à noite com Renan Calheiros, logo depois de encerrada a sessão secreta, na casa da líder do governo no Congresso, a senadora Roseana Sarney (PMDB-MA). "Não comemoramos, porque não tem o que comemorar, e disse isso ao Renan", afirmou Sarney ao Estado.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.