Sarney passará por cateterismo neste domingo em São Paulo

Presidente do Senado tinha check-up marcado para o dia 19, mas sentiu-se mal na noite de sexta-feira

estadão.com.br,

14 de abril de 2012 | 19h10

Atualizado às 20h36

O senador José Sarney (PMDB - AP), que deu entrada no Hospital Sírio-Libanês hoje às 17h45, passou por avaliações médicas (ecocardiograma e eletrocardiograma) que "detectaram alterações compatíveis com o quadro de insuficiência coronária", informou o hospital em nota. Em razão disso, Sarney será submetido a um cateterismo na manhã deste domingo.

Segundo boletim médico divulgado pelo hospital, os exames estavam previamente agendados para a próxima semana.

O secretário de Comunicação de Sarney, jornalista Fernando César Mesquita, informou que o presidente do Senado decidiu antecipar um check-up marcado para o dia 19, alegando que não estava se sentindo bem. Segundo ele, Sarney sentiu-se mal na noite de sexta-feira, quando se preparava para dormir na residência oficial.

Segundo o Sírio-Libanês, a equipe médica que assiste o senador José Sarney é coordenada pelo médico Roberto Kalil Filho, responsável pelo tratamento contra o câncer pelos quais passaram a presidente Dilma Rousseff e o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

(Com Agência Estado)

Tudo o que sabemos sobre:
Sarneysaúde

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.