Sarney para reunião após saber de cirurgia de filha

O presidente do Senado, José Sarney (PMDB-AP), interrompeu na tarde de hoje reunião com a presidente Dilma Rousseff, depois de receber um telefonema familiar informando que a governadora do Maranhão, Roseana Sarney, estava passando por uma cirurgia.

ANDREA JUBÉ VIANNA, Agência Estado

16 de fevereiro de 2011 | 16h33

Ao chegar ao Senado, Sarney disse aos jornalistas que o esperavam no Salão Azul que não teve "condições psicológicas" de prosseguir a reunião com a presidente, cujo tema ele não informou.

A expectativa era de que os dois tratassem da votação do projeto de lei que reajusta o salário mínimo no Senado. Sobre o estado de saúde de Roseana Sarney, o presidente do Senado disse que ela está bem e que a intervenção cirúrgica foi recomendada por médicos após um exame no intestino. Ele adiantou que deve seguir amanhã para o Maranhão.

Tudo o que sabemos sobre:
SarneyDilmasaúdeRoseana Sarney

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.