Sarney diz que não vai tentar impedir CPI dos bingos

O presidente do Senado, José Sarney (PMDB-AP), declarou, pela primeira vez à imprensa, que não vai tentar impedir a instalação de uma CPI dos Bingos. "Se houver assinaturas suficientes, mando ler o requerimento e instalar a C PI", afirmou Sarney, ao deixar seu gabinete para se dirigir ao plenário do Senado. Segunda-feira, ele já havia mandado este mesmo recado ao governo, numa conversa com o líder do PMDB, senador Renan Calheiros (AL).

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.