Salgado: Renan não mentiu ao se defender da acusação

No voto em separado lê no Conselho de Ética do Senado, o senador Wellington Salgado, um dos três relatores do processo em que o presidente da Casa, senador Renan Calheiros (PMDB-AL), é acusado de pagar despesas pessoais com dinheiro do lobista de uma empreiteira - afirma que, "sem leviandades, pode-se dizer que o senador Renan Calheiros (PMDB-AL) não faltou com a verdade ao se defender da acusação"."Em alguns minutos, deveremos julgar. E o ato de julgar, por sua gravidade, por sua seriedade, é incompatível com a influência das paixões, dos interesses político-partidários, e mesmo dos sentimentos menores, tão presentes na nossa condição humana", afirma o relator no parecer, em que considera improcedente a denúncia contra Calheiros, apresentada pelo PSOL.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.