'Saio ferido mas não derrubado', diz Netinho

Desistência do vereador do PcdoB marca a aliança do partido ao candidato petista, Fernando Haddad

Ricardo Chapola, do estadão.com.br

25 de junho de 2012 | 16h59

Netinho de Paula retirou nesta segunda-feira, 25, a sua candidatura à Prefeitura de São Paulo pelo PCdoB afirmando estar com "muita dor no coração". Segundo ele, a desistência foi feita para atender ao pedido do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, que sugeriu a Netinho a tentativa de reeleição como vereador.

"O PCdoB retirou a minha candidatura para apoiar Fernando Haddad, atendendo a um apelo do presidente Lula. Saio da disputa ferido, mas não derrubado. Sai com muita dor no coração, mas em prol de um projeto vamos retomar o ânimo.", disse Netinho.

Segundo Netinho, ele não será vice na chapa, mas indicou nomes do partido como o da deputada Lecy Brandão, Nádia Campeão e Jamil Muradi como postulantes à vaga.

O ex-presidente reuniu-se a portas fechadas com lideranças do PCdoB no Instituto Lula, em São Paulo, para acertar os últimos ponteiros da aliança com o partido. No encontro Lula teria feito apelo ao vereador Netinho de Paula para que abrisse mão da candidatura própria.

Participaram da reunião o candidato do PT, Fernando Haddad, o presidente municipal do partido e coordenador de campanha, Antonio Donato, o ex-ministro, Orlando Silva, o presidente nacional do PCdoB, Renato Rabelo.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.