Dida Sampaio/Estadão
Dida Sampaio/Estadão

Russomanno diz que deputado do PRB não arquivará processo contra Cunha

Líder do partido se encontra com presidente do Conselho de Ética e defende indicação de Fausto Pinato para relatoria do caso contra o presidente da Câmara

Daiene Cardoso, O Estado de S.Paulo

04 Novembro 2015 | 14h49

Brasília - O presidente do Conselho de Ética, deputado José Carlos Araújo (PSD-BA), se reuniu nesta quarta-feira, 4, com o líder do PRB na Câmara, Celso Russomanno (SP), para discutir a possibilidade de indicar Fausto Pinato (PRB-SP) para a relatoria do processo por quebra de decoro parlamentar contra o presidente da Casa, Eduardo Cunha (PMDB-RJ).

Segundo Russomanno, Araújo queria referências de Pinato, como informações sobre sua experiência jurídica para conduzir um processo contra o peemedebista. Araújo tem manifestado preocupação, nos últimos dias, de que o relator escolhido apresente um parecer prévio pela inépcia da representação. "Pinato é uma pessoa muito correta, muito séria. Ele vai agir corretamente", disse Russomanno.

Broadcast Político antecipou que Araújo conversaria com Russomanno antes de anunciar a escolha do relator. Entre o petista Zé Geraldo (PA) e o deputado Vinicius Gurgel (PR-AP), um aliado próximo de Cunha, Pinato seria uma opção mais independente para a função.

Na avaliação da cúpula do Conselho de Ética da Câmara, o apadrinhado de Russomanno não cometeria deslizes no colegiado para não prejudicar a imagem de Russomanno, pré-candidato do PRB à Prefeitura de São Paulo e líder nas pesquisas de intenção de voto.

Segundo fontes, Russomanno garantiu a Araújo que não existe a possibilidade de Pinato pedir o arquivamento da representação do PSOL e da Rede Sustentabilidade contra o presidente da Câmara.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.