RS cria programa para transformar projetos em lei

Sociedade Convergente quer oferecer soluções às dificuldades do governo no Estado em diversas áreas

ELDER OGLIARI, Agencia Estado

03 de março de 2008 | 19h20

A Assembléia Legislativa do Rio Grande do Sul criou o programa Sociedade Convergente para oferecer soluções às dificuldades do governo do Estado nas áreas de políticas educacionais, sustentabilidade ambiental, desenvolvimento econômico e humano e gestão pública.    Inicialmente, uma equipe de 38 integrantes, com deputados, presidentes de conselhos regionais de desenvolvimento e representantes de universidades e da sociedade civil, consolidará diagnósticos existentes, como os do Pacto pelo Rio Grande, da Assembléia Legislativa e a Agenda 2020, de entidades empresariais, para levar textos a debates abertos à população em nove regiões do Estado e, posteriormente, a especialistas de cada área, com o objetivo de colher propostas.   Para que o projeto não se resuma a mais um debate, os deputados comprometeram-se a transformar as sugestões consensuais em legislação, quando necessário. O Sociedade Convergente foi apresentada hoje pelo presidente da Assembléia, Alceu Moreira (PMDB).

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.