Rosinha vai anunciar pré-candidatura à prefeitura de Campos

Informação é do escritório da ex-governadora no Rio; mulher de Garotinho é alvo de investigação da PF

da Redação

13 de junho de 2008 | 15h57

A ex-governadora do Rio Rosinha Matheus vai oficializar a sua pré-candidatura à prefeitura de Campos nesta sexta-feira, 14, segundo informou o seu escritório ao estadao.com.br. "Rosinha foi acompanhada de sua assessora e só volta ao Rio na segunda-feira', disse. A mulher de Anthony Garotinho é alvo da  Polícia Federal (PF) do Rio em um novo escândalo, envolvendo desta vez, de um possível desvio de dinheiro. Segundo inquérito instaurado na Delegacia Fazendária, a verba foi repassada pela Secretaria Nacional de Segurança Pública (Senasp), por meio do convênio 107/2003, e destinava-se ao Projeto de Democratização de Informações da Segurança Pública.   O convênio, segundo a assessoria da Senasp, "não foi executado conforme o previsto". "Especialistas em tecnologia da informação fizeram uma fiscalização in loco e não foi comprovada a execução de acordo com as especificações previstas." Em conseqüência, a Senasp quer que a Secretaria de Segurança do Estado devolva os R$ 5,5 milhões repassados, que, atualizados a valores de janeiro, totalizam R$ 8,5 milhões.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.