Rolim será enterrado às 15 horas em São Paulo

O corpo do presidente da TAM, Rolim Amaro, será velado no Pavilhão de Autoridades do aeroporto de Congonhas. Às 14 horas de amanhã, ele seguirá para o cemitério de Congonhas, onde será enterrado às 15 horas. A diretoria da TAM divulgou, por volta de 18h30, nota oficial informando que ainda não são conhecidas as causas do acidente que causou a morte do comandante. Hoje, em Brasília, o ministro da Defesa, Geraldo Quintão, afirmou hoje que a coragem e audácia eram a marca do comandante Rolim Amaro, presidente da TAM. Em pouco tempo, segundo Quintão, Rolim transformou a TAM em uma das maiores companhias de aviação do Brasil, tornando-se um empresário "respeitado e venerado" entre os seus pares. O comandante da Aeronáutica, brigadeiro Carlos de Almeida Baptista, afirmou que o nome do comandante Rolim certamente constará nas páginas da história da aviação civil brasileira "por seu abnegado espírito empreendedor e por sua incansável liderança à frente de umas das mais respeitadas companhias aéreas do País". "Aos entes queridos desse bravo piloto, o comando da Aeronáutica transmite suas condolências e seu profundo respeito", disse o comandante da Aeronáutica.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.