Roberto Cláudio e Elmano de Freitas partem para o ataque em Fortaleza

Candidatos procuraram desqualificar o adversário no último debate na capital do CE

Lauriberto Braga, Especial para O Estado de S.Paulo,

27 de outubro de 2012 | 13h39

FORTALEZA - No último debate para a eleição do 2º Turno em Fortaleza, realizado pela TV Verdes Mares (afiliada da Rede Globo), e que terminou na madrugada deste sábado, 27, os candidatos Roberto Cláudio (PSB) e Elmano de Freitas (PT) "esqueceram" de seus padrinhos políticos e partiram para o ataque. Roberto Cláudio não citou o governador Cid Gomes (PSB). Nem Elmano fez menção ao apoio do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. O tema mensalão também não entrou em discussão.

O debate de pouco menos de uma hora teve três blocos, onde os candidatos procuraram a todo tempo desqualificar propostas apresentadas pelo adversário ao longo da campanha. Elmano de Freitas pediu duas vezes direito de resposta por sentir agredido, quando Roberto Cláudio disse que ele estava faltando com a verdade. Os pedidos foram negados pela organização do debate.

Os adversários buscaram mostrar através da tentativa de derrubar as propostas do adversário o que poderão fazer para melhorar a qualidade de vida dos fortalezenses. Ambas prometeram melhor educação, saúde e transporte.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.