Waldemir Barreto/Divulgação - Senado
Waldemir Barreto/Divulgação - Senado

Ricardo Ferraço vai relatar processo de recondução de Janot no Senado

Caberá ao parlamentar do PMDB apresentar um parecer favorável ou não à recondução do procurador-geral na Comissão de Constituição e Justiça na qual Janot será sabatinado

Isadora Peron, O Estado de S. Paulo

13 de agosto de 2015 | 15h18

Brasília - O senador Ricardo Ferraço (PMDB-ES) foi escolhido para relatar o processo de recondução de Rodrigo Janot ao cargo de procurador-geral da República.A mensagem da presidente Dilma Rousseff com a indicação de Janot foi lida na quarta-feira, 12, no plenário da Casa, abrindo assim os ritos para a análise do nome pelos parlamentares.

Caberá a Ferraço apresentar um parecer favorável ou não à recondução do procurador-geral na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ), na qual Janot será sabatinado.

Um dos investigados na Lava Jato, o presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), já anunciou que pretende pôr o nome de Janot em votação no plenário no mesmo dia da sabatina na CCJ. Com esse gesto, Renan pretende evitar críticas de que estaria atuando para adiar a recondução de Janot.

Pesa na decisão do presidente do Senado o fato de ter chegado a ele, por meio de interlocutores, a informação de que o seu nome não deve entrar na lista das primeiras denúncias contra políticos que serão oferecidas por Janot ao Supremo Tribunal Federal (STF).

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.