Revista coloca Dilma em lista dos 500 mais poderosos

Ranking feito pela revista americana "Foreign Policy" destacou onze brasileiros entre as 500 pessoas mais poderosas do mundo. A presidente Dilma Rousseff foi uma das personalidades listadas.

AE, Agência Estado

30 Abril 2013 | 20h29

Segundo a publicação, o mapa foi elaborado com base em rankings já feitos por outras revistas e institutos de pesquisa. Foram destacados políticos, empresários e líderes religiosos. Na relação, a revista usou ícones para simbolizar a área de atuação e o tipo de influência das personalidades. Algumas delas foram identificadas como "más", a exemplo de Bashar al-Assad, presidente da Síria, e Ayman al-Zawahiri, líder da Al Qaeda.

Além de Dilma Rousseff, os brasileiros do ranking são Alexandre Tombini (presidente do Banco Central), Antonio Patriota (ministro das Relações Exteriores), Celso Amorim (ministro da Defesa), Fernando Haddad (prefeito de São Paulo), Guido Mantega (ministro da Fazenda), Joseph Safra (dono do banco Safra), Maria das Graças Silva Foster (presidente da Petrobras), Ricardo Paes de Barros (secretário de Ações Estratégicas da SAE - Secretaria de Assuntos Estratégicos), Sérgio Guerra (presidente nacional do PSDB e deputado federal), Vagner Freitas (presidente nacional da CUT - Central Única dos Trabalhadores).

Mais conteúdo sobre:
rankingpoderososForeign Policy

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.