Réus têm R$ 40 mi em bens bloqueados

O Tribunal Regional Federal da 1ª Região bloqueou R$ 40 milhões em bens de 38 réus envolvidos esquema de fraudes em licitações nas áreas de limpeza e vigilância na Bahia. O esquema foi desarticulado pela Polícia Federal em 2007, na Operação Jaleco Branco - que resultou na apreensão de 18 veículos e na prisão de 16 pessoas, entre elas o presidente do Tribunal de Contas do Estado. A quadrilha teria provocado prejuízo de R$ 625 milhões aos cofres públicos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.