Reunião com Lula é o primeiro compromisso de Múcio

Novo ministro afirma que irá conversar com senadores para que seja aprovada a PEC que prorroga a CPMF

Carolina Pimentel, da Agência Brasil,

23 de novembro de 2007 | 16h29

O primeiro compromisso do novo ministro da Secretaria de Relações Institucionais, José Múcio Monteiro, é uma reunião nesta sexta-feira, 23, com o presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Após assumir o cargo na quinta, no lugar de Walfrido dos Mares Guia, Múcio afirmou que vai conversar com todos os senadores para que seja aprovada a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) que prorroga a Contribuição Provisória sobre Movimentação Financeira (CPMF) até 2011. Ele disse ter confiança de que a matéria será aprovada até o dia 31 de dezembro, quando o imposto perde a validade. Walfrido dos Mares Guia deixou o cargo depois de o procurador-geral da República, Antonio Fernando Souza, encaminhar ao Supremo Tribunal Federal (STF) denúncia contra 15 acusados de envolvimento no suposto esquema de arrecadação ilegal de dinheiro para campanha eleitoral em Minas Gerais. Mares Guia é um dos acusados, juntamente com o senador Eduardo Azeredo (PSDB-MG) e o empresário Marcos Valério de Souza. Na carta em que pede afastamento do cargo, encaminhada na quinta ao presidente Lula, Mares Guia afirma ser inocente e que seu dever é "empenhar todos os esforços" para se defender.

Tudo o que sabemos sobre:
CPMFMares GuiaMúcio

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.