Resultado das eleições deixa PT sem sucessor claro, diz jornal argentino

Derrota do PT em SP mostra que carisma de Lula 'não passa para os candidatos'.

Da BBC Brasil, BBC

28 de outubro de 2008 | 06h45

Os resultados das eleições municipais deixaram o PT sem um sucessor claro para Lula, segundo reportagem publicada nesta terça-feira pelo jornal argentino Página 12.O jornal afirma que o presidente Luiz Inácio Lula da Silva não conseguiu transferir sua popularidade para todos os seus candidatos, e avalia que a derrota da candidata do PT Marta Suplicy para a prefeitura de São Paulo "foi o golpe mais duro"."O triunfo da oposição em São Paulo volta a perfilar o governador José Serra como aspirante presidencial", diz a reportagem, para quem o cenário das eleições presidenciais de 2010 "ficou complicado" para o PT.O jornal comenta as derrotas do PT em São Paulo, Salvador e Porto Alegre, e afirma que "essas derrotas abriram uma grande interrogação sobre quem será o candidato que vai suceder Lula nas próximas eleições presidenciais".Na Espanha, o El País concorda que Serra saiu fortalecido como o principal candidato da oposição para as eleições de 2010."Serra foi derrotado por Lula nas eleições de 2002, mas as pesquisas o apontam como um dos candidatos com mais opções nas eleições presidenciais de 2010, às quais Lula não poderá concorrer, a não ser que reforme a Constituição, medida que já descartou."O jornal ainda afirma que a eleição de Gilberto Kassab, em São Paulo, com 61% dos votos é a prova da popularidade de Serra.BBC Brasil - Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização por escrito da BBC.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.