Requião quer tirar Jader da disputa do Senado

O senador Roberto Requião (PMDB-PR) disse que vai propor à bancada do PMDB que o senador Jader Barbalho (PMDB-PA) abra mão de se candidatar à presidência do Senado. Segundo Requião, a prerrogativa de indicar o candidato deve ser do partido, mas deve ser um nome aceito pelo conjunto do Senado. "O número de acusações contra Jader compromete a imagem do PMDB e a do Congresso. Ele vai levar tiro como nunca alguém levou no Senado", afirmou Requião.O senador fez as declarações ao lado do senador Renan Calheiros (PMDB-AL), um dos principais defensores da candidatura de Jader Barbalho. Ontem à noite, a cúpula do PMDB fez uma nova rodada de conversas para discutir a eleição dos presidentes do Senado e da Câmara, na residência do deputado Michel Temer.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.