Requerimento para a CPI que o governo boicota é lido em plenário

Foi lido por volta das 11 horas, no plenário do Senado, o requerimento de criação da CPI destinada a investigar o funcionamento dos bingos, apresentado pelo senador Magno Malta (PL-ES) com a assinatura de 35 senadores. A instalação da CPI, no entanto, depende da indicação de integrantes dos partidos. O requerimento será publicado no Diário do Congresso e cabe ao presidente do Senado, José Sarney, designar os membros da comissão, após receber as indicações dos integrantes da CPI por parte dos líderes partidários. Ontem, no entanto, os partidos aliados decidiram não fazer as indicações para inviabilizar a instalação da CPI (uma vez que são maioria no Senado). Já a oposição pretende entregar na segunda ou terça-feira a lista de seus representantes e até recorrer ao Supremo Tribunal Federal (STF), caso a comissão não seja instalada.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.