Renan tem licença médica e se afasta por 10 dias

O senador Renan Calheiros (PMDB-AL) que está licenciado do cargo de presidente do Senado entrou hoje com uma nova licença. Desta vez, ele se afastará por 10 dias do seu mandato por recomendação médica. Na prática, a licença do mandato não interfere na interinidade do senador Tião Viana (PT-AC) e tampouco impõe a necessidade de posse de seu suplente. A licença do cargo de presidente da Casa é de 45 dias. Durante o período de licença médica, Renan se submeterá à exames e, assim, justifica sua ausência nas atividades do Senado.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.