Relação de Lula com imprensa será melhor, diz Franklin

O novo ministro da área de comunicação do governo, jornalista Franklin Martins, esteve nesta sexta-feira no Palácio do Planalto para conversar com a "comandante chefe", como se referiu à ex-colega de guerrilha nos anos de repressão e atual ministra da Casa Civil, Dilma Rousseff. Após o encontro, Martins disse a jornalistas que a relação do presidente Luiz Inácio Lula da Silva com a imprensa vai ser melhor. "A orientação do presidente é que a imprensa possa saber o que ocorre no governo e a relação seja boa", disse. "Aliás, essa relação já vem mudando, o presidente tem conversado mais."Num primeiro momento, Franklin Martins informou que vai acumular o cargo de secretário de Comunicação e secretário de Imprensa. Ele disse que pretende depois nomear um subordinado para ser o secretário de Imprensa. A fusão dos dois órgãos, ainda que temporária, é alvo de críticas de setores do jornalismo. Franklin Martins minimizou o fato de ser, agora, o responsável em distribuir notícias e verbas publicitárias. A Secretaria de Comunicação cuida dos recursos de publicidade e das campanhas. Já a Secretaria de Imprensa lida diretamente com os jornalistas.Um novo porta-voz será nomeado pelo governo. O atual, André Singer, que também responde atualmente pela Secretaria de Imprensa, pediu para sair do governo. Ele dará prioridade à carreira acadêmica em São Paulo.Martins disse que a distribuição do dinheiro de publicidade levará em conta critérios técnicos. Ele observou que, nos veículos de comunicação, existem setores diferentes para cuidar dos recursos e das notícias. O jornalista afirmou que pretende priorizar o atendimento ao comitê de imprensa, sala onde trabalham repórteres de texto e imagem. "Aqui está o coração da notícia", disse. A posse dele deve ocorrer na terça-feira ou na quarta-feira.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.