Reichstul está no Congresso para depor

O presidente da Petrobras, Henri Philippe Reichstul, já chegou ao Congresso Nacional, onde participará de audiência pública na Comissão de Infra-Estrutura do Senado, para dar esclarecimentos sobre o acidente na plataforma P-36. Ele chegou acompanhado do líder do governo no Senado, José Roberto Arruda (PSDB-DF), com quem teria tomado café da manhã. Ainda hoje, às 14h30, Reichstul participará de outra audiência pública, na Comissão de Defesa do Consumidor, na Câmara, para tratar do mesmo assunto.No Rio de Janeiro, o depoimento do gerente geral da Petrobras na Bacia de Campos, Carlos Eduardo Bellot, à Polícia Civil, foi adiado para semana que vem, de acordo com o delegado adjunto de Macaé, Hernani Helvas. O titular da delegacia, Antônio Carlos Carvalho, enviou ontem a intimação para a Petrobras, convocando Bellot e outros engenheiros para depor. "A empresa comunicou que esses funcionários estariam em Brasília, e o depoimento teve de ser adiado", explicou o delegado.

Agencia Estado,

27 de março de 2001 | 10h26

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.