Regina diz que não tem "carta na manga"

A ex-diretora do Prodasen, Regina Célia Borges, afirmou, no Conselho de Ética, em resposta a uma pergunta do senador Gerson Camata (PMDB-ES), que não tem nenhuma "carta na manga" para revelar no episódio da violação do sigilo do painel eletrônico de votações. "Não estou com intenção de fazer estrago, eu estou apenas contando a verdade e não tenho nenhuma carta na manga", declarou Regina. O senador Antonio Carlos Magalhães (PFL-BA), em resposta ao senador Saturnino Braga (PSB-RJ), voltou a afirmar que não disse a ninguém que estaria de posse da lista com os votos dados pelos senadores contra e a favor da cassação do mandato de Luiz Estevão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.