Regina Borges é filiada ao PSDB

A ex-diretora-executiva do Serviço de Processamento de Dados do Senado Federal (Prodasen), Regina Célia Borges, disse ao Conselho de Ética do Senado que se filiou ao PSDB em 94, durante a campanha da deputada Maria de Lourdes Abadia ao governo do Distrito Federal. Ela afirmou que só fez militância partidária no período em que deixou de dirigir o Prodasen. Disse, ainda, que somente teve convivência com o ex-ministro-chefe da Secretaria Geral da Presidência da República, Eduardo Jorge Caldas Pereira, no período em que este foi diretor-executivo do Prodasen e, depois, quando ele foi chefe de gabinete do então senador Fernando Henrique Cardoso.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.