Refugiados afegãos chegam nesta 6ªF ao Brasil

O primeiro grupo de refugiados afegãos que o Brasil vai acolher chega nesta sexta-feira a Porto Alegre. São dois casais com três filhos cada, num total de 10 pessoas, que viviam num acampamento protegido pela ONU próximo a Teerã, no Irã.No dia 26 de abril, outro grupo de afegãos, com 13 pessoas, será transferido da Índia para o Rio Grande do Sul. O assentamento dos afegãos na capital gaúcha foi acertado entre o Conselho Nacional de Refugiados (Conare) e o Alto Comissariado das Nações Unidas para Refugiados (Acnur), que vai repassar recursos para aluguel, alimentação, educação e assistência à organização não-governamental Central de Orientação e Encaminhamento (Cenoe), responsável pelo atendimento local aos refugiados.Nos primeiros dias os afegãos ficarão hospedados no Hotel de Passagem da Brigada Militar, para descansar da viagem e começar o processo de adaptação ao fuso horário e clima do Rio Grande do Sul.Depois os adultos escolherão seus empregos ? a Cenoe já conseguiu oferta de vagas de oficinas mecânicas, postos de gasolina, indústria de confecções e madeireiras ? e passarão a ter, junto com as crianças, aulas de português.As famílias vão morar em casas separadas, na zona norte de Porto Alegre. Os refugiados saíram do Afeganistão durante a guerra civil que seguiu-se à expulsão das tropas soviéticas do país. Como já estavam no Irã e Índia, não presenciaram a ascensão ao poder e posterior queda da milícia Talibã.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.