Reforma tributária será proposta após recesso, afirma Dilma

Dilma não colocou as eleições de 2008 e de 2010 como obstáculos à aprovação de matérias

Elder Ogliari, da Agência Estado,

28 de janeiro de 2008 | 13h22

A ministra-chefe da Casa Civil, Dilma Rousseff, disse que o governo federal vai encaminhar um projeto de reforma tributária ao Congresso Nacional logo depois do recesso parlamentar. "Para nós, esse é o grande projeto que o governo tem", reiterou, durante entrevista para jornalistas da RBS no painel "O Desafio das Lideranças Gaúchas no Cenário Nacional", hoje, em Porto Alegre. O ministro da Justiça, Tarso Genro, e o senador Pedro Simon (PMDB-RS) também participaram do debate. Dilma não colocou as eleições de 2008, para as prefeituras, e de 2010, para os governos estaduais e federal, como obstáculos à aprovação de matérias como a reforma tributária. "É difícil que em nome das eleições o governo se paralise", comentou. "O Brasil está passando por processo de amadurecimento institucional".

Tudo o que sabemos sobre:
Reforma tributáriaDilma

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.