Reforma tributária não empacou, garante Alckmin

O governador de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSDB), disse hoje que continua otimista com relação à reforma tributária. "A reforma não empacou. É preciso ter um pouco de paciência pois essas coisas não se resolvem numa só reunião", afirmou ao comentar o resultado da reunião de ontem da comissão de governadores com o governo federal. Segundo Alckmin, os governadores já estão abrindo mão da autonomia administrativo-financeira porque em vez de legislarem sobre o Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) vão permitir que o governo federal legisle. "Isso tudo está sendo feito para ajudar o Brasil, portanto, acredito que o caminho é o do entendimento, as negociações estão caminhando e eu não estou pessimista", disse. O governador participou no início da tarde de hoje do evento da Associação Paulista Viva, no qual o governo do Estado é parceiro. Por conta deste projeto, Alckmin disse que os assaltos na região da Avenida Paulista foram reduzidos em cerca de 70%.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.