Reforma da universidade é discutida em Fortaleza

A reforma do ensino superior será debatida na 70ª Reunião Plenária do Conselho de Reitores das Universidades Brasileiras (CRUB), que começa hoje e vai até amanhã, em Fortaleza (CE). O ministro da Educação, Cristovam Buarque, participa da solenidade de abertura, hoje, às 20 horas, no Teatro Celina Queiroz. Os especialistas vão discutir "A construção do sistema universitário brasileiro frente aos desafios para a universidade do século XXI". O tema foi proposto pelo ministro, em encontro anterior, e acolhida pelos reitores.Também serão firmados protocolos de cooperação com instituições internacionais e comemorados os 30 anos da Universidade de Fortaleza. Um dos protocolos de intenções será com a representação de Cuba. O acordo prevê que cerca de cem professores cubanos de diferentes áreas sejam cedidos ao Brasil, para colaborar com as universidades. A outra parceria do CRUB será com as universidades da Austrália - país onde a educação representa o segundo item na balança de negócios internacionais. A cooperação técnica e científica será desenvolvida com a Fundação IDP. Os reitores também vão apresentar ao ministro proposta para que jovens de Timor Leste venham fazer cursos universitários no Brasil. Mesmo antes de ser analisado pelo MEC, o projeto já conta com o apoio do Rotary Club.Participantes e temasOs participantes vão discutir o sistema de financiamento, tanto da universidade pública quanto da particular, e o investimento em pesquisa, entre outros temas. O seminário é a contribuição dos reitores para a busca da nova universidade. Entre os conferencistas, há especialistas como Freddy Malpica, presidente da Organização Universitária Interamericana (OUI); José Luis Meilán Gil, reitor da Universidade da Coruña, Espanha; Sônia Machlup, gerente da Fundação IDP; e Álvaro Albuquerque Júnior, presidente d a Rede de Informações Tecnológicas da América Latina.As informações são da Agência Brasil.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.