Referência de Dantas a filho de Lula irrita Planalto

Declarações do sócio-fundador do Grupo Opportunity, Daniel Dantas, na Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) dos Grampos causaram grande incômodo no Palácio do Planalto. O governo entendeu que ele, repetindo estratégias antigas, deu as declarações que queria, como queria, lançando ataques contra órgãos e autoridades. O Planalto, porém, não vai responder. Para assessores, o banqueiro tenta envolver, mais uma vez, o filho do presidente Lula, Fábio Luís Lula da Silva, sócio da Gamecorp, produtora que recebeu R$ 5 milhões da Telemar. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.