Reeleito em Monte Mor é alvo de ação

O Ministério Público Eleitoral entrou com recurso no TSE para aplicar ao prefeito reeleito de Monte Mor, Rodrigo Maia Santos (PSDB), pena de multa e cassação do mandato, por propaganda institucional em período proibido por lei e abuso de autoridade. O prefeito foi denunciado por colocação irregular de outdoors, pagos com dinheiro público, para veicular propaganda no período eleitoral de 2008.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.