Receita paralisa atividades em SP

Cerca de 85% dos 3,6 mil técnicos e auditores da Receita Federal no Estado de São Paulo paralisaram suas atividades desde o início da manhã de hoje contra a reforma da Previdência. A informação é do Sindicato dos Técnicos da Receita em São Paulo.Segundo o coordenador estadual do sindicato, José Henrique Pereira, dos sete Centros de Atendimento da Receita na capital paulista, apenas a unidade da Lapa, na zona Oeste, funciona normalmente. "Todos os outros seis não estão funcionando", comentou. Nos serviços internos da Receita na cidade, a adesão, segundo ele, é menor.Ontem a categoria confirmou nova paralisação de 72 horas em todo o País a partir de hoje. Em São Paulo, porém, de acordo com o sindicato, não houve definição ainda se a paralisação será de 72 ou 48 horas. "Vamos decidir no início da tarde", afirmou o coordenador estadual do sindicato.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.