Reajuste de salário não é prioridade de Lula, diz porta-voz

O porta-voz da Presidência da República, Marcelo Baumbach, disse nesta quinta-feira, 12, que o presidente Luiz Inácio Lula da Silva não considera prioridade e nem assunto importante a proposta de reajuste de seu salário, que está sendo discutida no Congresso.Lula, porém, considera correta uma correção do salário levando em conta a reposição de perdas da inflação que estão sendo discutidas por parlamentares. "O presidente julga que o aumento é de alçada do Congresso. Em um eventual aumento, o caminho mais correto é o da reposição salarial", disse Baumbach. A discussão existente no Congresso gira em torno de propostas que prevêem a correção salarial por 28% (referente à correção da inflação) e por 82% (que corresponde a equiparação ao salário dos ministros do Supremo).

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.