Reação de governadores adia reunião com Lula

O governo adiou a reunião do presidente Lula com governadores depois da reação de alguns deles contra a proposta da base aliada de transferir para os estados a definição do subteto do Judiciário estadual. Segundo o governador da Paraíba, Cássio Cunha Lima, que conversou com o ministro-chefe da Casa Civil, José Dirceu, os governadores de Minas Gerais, Aécio Neves, e do Ceará, Lúcio Alcântara, disseram ao ministro que a proposta rompe o acordo firmado anteriormente com o presidente, de que todas as decisões relativas à reforma da Previdência sairiam de Brasília, e não dos Estados. Na conversa, segundo relato de Cunha Lima, José Dirceu garantiu que "o governo não vai roer a corda" com os governadores. A reunião do presidente com o grupo de governadores que representam as regiões do País estava marcada para às 17h de hoje, e foi adiada para segunda feira, em horário a ser definido.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.