Rachid diz que deixa Receita sem ressentimentos

Na manhã desta quinta-feira, 31, o ex-Secretário dispensou o carro oficial que foi buscá-lo em casa

Adriana Fernandes e Rosana de Cássia, Agência Estado

31 Julho 2008 | 10h15

O ex-Secretário da Receita Federal Jorge Rachid evitou dar explicações sobre os motivos que o levaram a deixar o comando da Secretaria, cargo que ocupava desde o primeiro mandato do governo Lula, em 2003. Questionado se deixava o cargo com ressentimentos, Rachid respondeu: "de jeito nenhum" e entrou rapidamente no Ministério. Hoje pela manhã, Rachid dispensou o carro oficial que foi buscá-lo em sua residência.   Veja também: Fazenda divulga nota comunicando a saída de Rachid    Na manhã desta quinta-feira, 31, o Ministério da Fazenda divulgou nota comunicando a saída de Jorge Rachid da Secretaria da Receita Federal do Brasil e a nomeação da Superintendente Regional da Receita Federal do Brasil na 4ª Região Fiscal, Lina Maria Vieira, para o cargo. Rachid estava no comando da Secretaria desde novembro de 2005.    

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.