Quitação da dívida de Lula é ´assunto velho´, diz Okamoto

O presidente do Serviço Brasileiro de Apoio à Pequena e Micro Empresa (Sebrae), Paulo Okamoto, disse nesta terça-feira à Agência Estado que a polêmica história da quitação que teria feito de um empréstimo do PT ao presidente Luiz Inácio Lula da Silva "é um assunto da eleição passada, um assunto batido, velho". O próprio Okamoto afirmou que pagou o débito, mas a origem do dinheiro - cerca de R$ 29 mil - até hoje não foi esclarecida, e Lula afirma que não tem essa dívida.Okamoto falou rapidamente ao sair do Palácio do Planalto, onde, segundo ele, tratou de assuntos referentes ao projeto de criação do Estatuto das Micro e Pequenas Empresas, em tramitação no Senado. À saída, Okamoto cumprimentou a deputada Angela Guadagnin (PT-SP), que chegava ao Palácio. Ela ficou famosa por ter dançado no plenário da Câmara para comemorar a absolvição do deputado João Magno (PT-MG), acusado de envolvimento no esquema do mensalão. A deputada não foi reeleita em outubro.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.