Questão é definir quem vota, dizem analistas

A realização de prévias no PSDB tornou-se inevitável, mas isso não significa o fim da polêmica tucana: resta definir quem terá direito a voto. A opinião é dos cientistas políticos Marco Antonio Carvalho Teixeira, da FGV, e Rui Tavares Maluf, da Fundação Escola de Sociologia e Política.   Assista à íntegra do debate com os cientistas políticos"O que mais mexe nas relações de poder é o tamanho do colégio eleitoral", disse Maluf, ontem, à TV Estadão. "É preciso ter muito claro quem tem direito a voto. Isso define o colégio eleitoral e, obviamente, pode interferir no resultado", observou Teixeira.Ambos opinaram que, apesar da consulta, o governador José Serra deve ser o candidato. Para Teixeira, Aécio Neves quer "vender caro seu apoio".

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.