PV abre negociações para integrar base do governo Lula

O PV abriu negociações com o Palácio do Planalto para integrar a base de apoio do governo Lula. Na primeira conversa, nesta quinta-feira, com o ministro das Relações Institucionais, Tarso Genro, o partido entregou uma pauta de reivindicações com 27 itens, que vão de temas como a Amazônia a estações comunitárias de rádio. "Em política, as alianças precisam ser programáticas", disse o presidente do partido, José Luís Pena. Ele diz que há pouco tempo para negociações, mas o PV poderá fazer parte da base aliada. O presidente Luiz Inácio Lula da Silva recebeu rapidamente os integrantes do partido, mas outras reuniões deverão vir, segundo Pena. "Hoje viemos expressar nossas posições sobre meio ambiente, sobre gestão de governo. Foi o início de uma caminhada", afirmou.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.