Filipe Strazzer
Filipe Strazzer

PTB indica vice na chapa de Eduardo Leite (PSDB) para o governo gaúcho

Delegado Ranolfo Vieira Júnior era pré-candidato ao Piratini, mas seu partido avaliou que aliança lhe confere maior protagonismo na política estadual

Taís Seibt, especial para o Estado, O Estado de S.Paulo

06 de agosto de 2018 | 12h24

PORTO ALEGRE - Em convenção realizada na manhã deste domingo, 5, o PTB gaúcho anunciou o delegado Ranolfo Vieira Júnior como vice na chapa de Eduardo Leite (PSDB) para o governo do Estado. Ranolfo havia sido lançado como pré-candidato a governador, mas, diante de um cenário em que nove partidos chegaram a anunciar possíveis concorrentes, o PTB avaliou que uma coligação poderia assegurar maior protagonismo ao partido na disputa pelo Palácio Piratini.

“Esse casamento se deu por uma série de razões, principalmente a experiência de gestão de Eduardo Leite e a aprovação do governo dele em Pelotas, somada à minha experiência na área da segurança pública. Não resta dúvida que temos como apresentar um belo programa para o Estado”, disse Ranolfo ao Estado pouco antes de entrar no plenário da Câmara Municipal para abrir a convenção. 

Ranolfo Vieira Júnior tem 51 anos e é delegado de polícia desde 1998. Foi chefe de Polícia do Rio Grande do Sul, diretor do Departamento Estadual de Investigações Criminais (DEIC). Formado em direito, é professor da ULBRA Canoas e da Academia da Polícia Civil do RS.

Com a desistência de Luís Carlos Heinze (PP), que também decidiu apoiar Eduardo Leite, após a confirmação de Ana Amélia (PP) como vice de Geraldo Alckmin (PSDB) à Presidência, a disputa no RS deverá ter oito candidatos. Concorrem ainda Abigail Pereira (PCdoB), Jairo Jorge (PDT), Júlio Flores (PSTU), Mateus Bandeira (Novo), Miguel Rossetto (PT), Roberto Robaina (PSOL) e o atual governador, José Ivo Sartori (MDB), candidato à reeleição.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.