PT vai pedir a revista documentos do caso Banestado

O senador Eduardo Suplicy (PT-SP) afirmou hoje que o partido irá requerer à revista Istoé Dinheiro os documentos apresentados na reportagem de capa desta semana sobre o caso Banestado. Segundo a revista, essesdocumentos representam novas provas no caso Banestado. Suplicy, que é membro da CPI que investiga o assunto, acredita que os documentos podem esclarecer algumas questões importantes desse escândalo. Suplicy lembrou, ainda, que o relator da CPI na Câmara, deputado José Mentor (PT-SP), jásolicitou à Polícia Federal todos os documentos sobre o assunto.Quanto ao impasse entre a cúpula de seu partido e os parlamentares da chamada ala radical, Suplicy disse hoje irá pregar o entendimento entre o seu partido e os parlamentares da chamada ala radical, durante o depoimento que vai prestar amanhã, às 13 horas, na Comissão de Ética do PT. A comissão analisa o pedido da expulsão dos deputados Luciana Genro (RS) e João Batista de Oliveira Araújo, o Babá (PA) e da senadora Heloisa Helena (AL).Suplicy foi convocado pela senadora como testemunha de defesa. Ele afirmou que já esclareceu ao secretário-geral do PT, Sílvio Pereira, que vai apenas prestar um esclarecimento sobre o trabalho da parlamentar, sua colega de bancada. "Conheço bem o trabalho da Heloisa Helena e quero deixar claro que o dia que o presidente Lula, o ministro José Dirceu e os demais ministros que são do meu partido estiverem em situação que precisem de meu depoimento, eu de pronto cumprirei meu testemunho", garantiu.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.