PT-RS faz baile e passa lista para arrecadar fundos

O PT gaúcho vai aproveitar a presença de lideranças nacionais, simpatizantes e filiados no Fórum Social Mundial para arrecadar fundos para a aquisição de sua sede própria, em jantar que deve reunir mais de três mil pessoas, neste sábado, conforme previsão do diretório regional. O uso de um prédio cedido em comodato pelo Clube de Seguros da Cidadania causou constrangimento ao partido em CPI que investigou a segurança pública no Rio Grande do Sul, no ano passado. O acordo foi rompido e, desde dezembro, o PT arrecada doações para ter os R$ 500 mil necessários à compra de um prédio, em local ainda não escolhido.Para promover a festa, o PT fez um acordo com os 25 restaurantes do Mercado Público de Porto Alegre, que, excepcionalmente, vão abrir à noite. Os convites serão vendidos a preços de R$ 12 a R$ 100. O partido pagará o valor comercial de cada refeição, ficando com o restante do dinheiro para o fundo de aquisição da sede. Além disso, passará uma lista de doações entre os participantes do jantar.O convite anuncia a presença de Lula, José Dirceu, Olívio Dutra, Miguel Rosseto, Marta Suplicy, Tarso Genro, direção nacional, parlamentares, governadores, prefeitos e convidados internacionais como ?atrações? do jantar. A festa terá ato-show e seguirá noite adentro com um baile.A CPI acusou o diretor do Clube de Seguros da Cidadania, Diógenes de Oliveira, de usar, na compra do prédio, recursos obtidos de empresários para aplicação em obras sociais. Oliveira antecipou-se a um processo de expulsão e desfiliou-se do partido. Após análise do relatório da CPI, o Ministério Público Estadual anunciou, nesta semana, que vai oferecer à Justiça denúncia contra Oliveira, por estelionato.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.