PT entra com representação no TRE contra site de Serra

Para petistas, comentários de leitores são campanha antecipada

Bruno Boghossian, do estadão.com.br

19 Junho 2012 | 23h10

O PT entrou com uma representação no Tribunal Regional Eleitoral de São Paulo (TRE-SP) contra o site do pré-candidato do PSDB à Prefeitura de São Paulo, José Serra, por propaganda eleitoral antecipada. Os petistas alegam que os comentários dos leitores da página são usados para beneficiar a campanha do tucano antes do período permitido.

 

Na representação protocolada na última segunda-feira, 18, os petistas pedem que o tribunal aplique uma multa ao PSDB e determine a retirada do ar de parte do conteúdo da página. O site do tucano (joseserra.com.br) foi criado em 2010 e, atualmente, agrega artigos e discursos escritos por Serra desde 1994.

 

"O PT quer censurar comentários de internautas e impor ao Serra uma multa por isso. Um absurdo!", afirmou ao estadão.com.br o advogado Ricardo Penteado, responsável pelo núcleo jurídico da campanha tucana. "Chamar de campanha o post de um terceiro é dose."

 

A campanha de Serra foi notificada sobre a representação nesta terça-feira, 19.

 

Em maio, o PSDB paulistano havia entrado com uma representação contra o site Conversando com São Paulo (conversandocomsaopaulo.com.br), mantido pela campanha do petista Fernando Haddad. O TRE multou o PT em R$ 5 mil e determinou a retirada imediata da propaganda considerada irregular.

 

Serra e o PSDB já haviam sido multados em R$ 5 mil cada por promover o pré-candidato na propaganda partidária de abril. Tanto os tucanos quanto os petistas recorreram das decisões.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.