PT diz que só apresenta sugestão de ministros a Lula

Depois que o presidente Luiz Inácio Lula da Silva advertiu os partidos aliados a não pressionarem pela indicação de nomes ao ministério, a Executiva Nacional do PT, reunida nesta segunda-feira, desistiu de apresentar sugestões públicas para a nova equipe. A Executiva se reuniu por mais de seis horas, mas não divulgou os resultados da discussão que fez sobre a participação do partido no ministério. "Concluímos o debate interno sobre o tema, mas os nomes, as idéias e os conceitos levaremos somente ao presidente no momento em que ele nos chamar", disse a jornalistas o presidente do partido, deputado Ricardo Berzoini (SP). Em seu programa Café com o Presidente na manhã desta segunda-feira, Lula disse que a reforma será pontual e que fica "constrangido" com a indicação de nomes pela imprensa. Há 10 dias o PT criou a expectativa de que na reunião da Executiva seriam divulgados os nomes a serem sugeridos ao presidente, entre os quais o da ex-prefeita Marta Suplicy para Cidades ou Educação. Nas últimas conversas com políticos, Lula deu sinais de que seria difícil mexer em Cidades, pasta ocupada pelo PP, e de que não gostaria de tirar Fernando Haddad da Educação.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.