PT deve ter uma proposta de nome para 2010, diz Tarso

Em entrevista à Rádio Eldorado, ministro acredita que partido está em processo de inovação

SOLANGE SPIGLIATTI, Agencia Estado

05 de março de 2008 | 13h34

Durante entrevista à Rádio Eldorado, o ministro da Justiça, Tarso Genro, acredita que o Partido dos Trabalhadores (PT) deverá ter uma proposta de nome para a eleição presidencial de 2010. Perguntado sobre a nova executiva do PT, Tarso Genro acredita que o partido está em processo de inovação, com o surgimento de um novo grupo político que poderá renovar suas propostas.   Veja Também:    Ouça a entrevista de Tarso Ao ser perguntado sobre o episódio do mensalão, Genro disse que "o partido vai examinar e tomar suas providências". "O partido não pode funcionar como uma delegacia de polícia. Ele deverá aguardar a decisão judiciária para depois tomar qualquer providência".

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.