PT confirma Filippi como tesoureiro da campanha de Lula

O presidente do PT, deputado Ricardo Berzoini (SP), confirmou que o prefeito de Diadema, José de Filippi Júnior, será o tesoureiro da campanha pela reeleição do presidente Luiz Inácio Lula da Silva, apesar da investigação aberta pelo Ministério Público para apurar a gestão de Filippi na prefeitura de Diadema. O MP de São Paulo está investigando como Filippi pagou multa de R$ 183 mil, em dezembro de 2003, em ação movida pelo próprio MP."Não somos obrigados a acreditar que todos os procuradores agem no estrito sentido do interesse público", afirmou Berzoini na sede do PT em Brasília, onde se reuniu com a coordenação da campanha. "Filippi jamais aceitaria esta função (de tesoureiro da campanha) se houvesse alguma questão que causasse constrangimento".Berzoini anunciou que o primeiro evento da campanha de Lula será realizado no próximo dia 13, em São Bernardo do Campo, berço da militância sindical do presidente. Segundo o presidente do PT, o partido está estudando uma forma de atuação do presidente nos Estados onde ele é apoiado por mais de um candidato ao governo. O mais provável é que Lula grave participação nos programas eleitorais de rádio e TV para todos os candidatos que o apóiam. No caso de visita aos Estados, o PT anunciará um comício do presidente e convidará todos os partidos que apóiam sua candidatura.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.