PT adia posse da nova direção para fevereiro

A data da nova reunião coincide com o aniversário do partido, que comemora 28 anos em 2008

Clarissa Oliveira, de O Estado de S.Paulo

18 Janeiro 2008 | 15h27

O Partido dos Trabalhadores adiou para os dias 9 e 10 de fevereiro a reunião de seu Diretório Nacional onde ocorreria a posse da nova direção, escolhida na eleição interna realizada no final do ano passado. A posse estava prevista para ocorrer nos dias 25 e 26. A data da nova reunião coincide com o aniversário do partido, que comemora 28 anos em 2008.  Como previsto inicialmente, o evento ocorrerá na sede nacional do PT em Brasília. Além da posse, a pauta do encontro inclui o debate sobre a conjuntura nacional, a instalação de uma comissão que tratará de recursos pendentes da eleição interna nos Estados e a escolha da nova Comissão Executiva Nacional. Até a data da reunião do Diretório, as principais correntes internas do PT devem disputar entre si cargos estratégicos na Executiva Nacional, como a Secretaria-Geral e a Secretaria de Finanças. Sob comando do presidente do PT Ricardo Berzoini, reconduzido ao cargo, esses dois postos são hoje ocupados por Joaquim Soriano e Paulo Ferreira, respectivamente.  

Mais conteúdo sobre:
PTdireçãoposse

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.