PSOL apóia Protógenes e De Sanctis em ato no STF

Eles querem que o banqueiro Daniel Dantas, que foi preso em julho e solto, volte para a prisão

AE, Agencia Estado

19 de novembro de 2008 | 19h28

Militantes do PSOL fizeram nesta quarta-feira, 19, uma manifestação em frente ao Supremo Tribunal Federal (STF) em apoio ao juiz da 6ª Vara Criminal Federal de São Paulo, Fausto Martin De Sanctis, e ao delegado da Polícia Federal (PF) Protógenes Queiroz, participantes do inquérito da Operação Satiagraha. Eles querem que o banqueiro Daniel Dantas, que foi preso em julho e solto por ordem da Corte, volte para a prisão. Uma das faixas carregadas pelos manifestantes perguntava: "STF, por que tanto medo de Dantas?"   Veja também: As fases da Operação Satiagraha: o que mudou e o que fica igual Gravação mostra clima tenso entre delegados da Satiagraha Polícia Federal pretende pedir prisão de Dantas novamente Juiz De Sanctis recusa promoção e fica no caso Dantas As prisões de Daniel Dantas  Os alvos da Operação Satiagraha  Para integrantes do PSOL, há uma perseguição a De Sanctis e a Protógenes. "Exigimos que o STF faça realmente a justiça e respeite o trabalho do delegado e do juiz. Não aceitamos essa inversão de valores em que os investigadores se tornam investigados", disse a líder do PSOL, deputada Luciana Genro (RS). Deflagrada no dia 8 de julho, a Satiagraha chegou a prender o banqueiro, o investidor Naji Nahas e o ex-prefeito da capital paulista Celso Pitta, entre outros.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.