PSDB promoverá seminários para construir programa de governo

Após o seminário de ontem sobre política monetária e crescimento econômico, o PSDB começa a preparar outros dois debates. Um deles será sobre educação e o outro, sobre política fiscal. O presidente do partido, senador Tasso Jereissati (CE), explicou que os tucanos planejam organizar quinze seminários, sobre diferentes temas, para recolher idéias e propostas para o programa de governo do candidato do PSDB à sucessão do presidente Luiz Inácio Lula da Silva."Vamos ouvir grupos representativos da sociedade para agregar idéias", afirmou Tasso, ao apresentar a rodada de seminários iniciada na tarde de ontem, em São Paulo. O ex-ministro da Educação do governo FHC Paulo Renato Souza coordena a preparação do seminário sobre educação, de acordo com o assessor da presidência do partido, Mansueto Almeida. Esse debate ainda não tem data ou local definidos.Já o seminário sobre política fiscal será realizado no Rio de Janeiro, mas a data não foi decidida. O economista Fábio Giambiagi, da equipe do IPEA, é um nome que o PSDB pretende convidar para o debate, já que ele é um dos maiores especialistas em finanças públicas no País. Mas ainda há muita indefinição sobre este seminário.Embora os economistas que participaram do debate sobre política monetária tenham compartilhado da opinião, de que um ajuste fiscal através de redução das despesas públicas, seja pré condição para a queda dos juros básicos, esse assunto é complexo e impopular.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.