PSDB entra com requerimento para ouvir Lina Vieira na CCJ

Partido quer convidar novamente a ex-secretária da Receita Federal para prestar esclarecimentos

Agência Brasil,

20 de outubro de 2009 | 15h20

O PSDB protocolou nesta terça-feira, 20, na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) do Senado requerimento para convidar novamente a ex-secretária da Receita Federal Lina Vieira para prestar esclarecimentos. Os senadores querem explicações sobre o fato de ela ter achado a agenda em que teria anotado o dia e o assunto de suposta reunião com a ministra-chefe da Casa Civil, Dilma Rousseff.

 

"Devido ao surgimento de novas e irrefutáveis provas é imprescindível a presença da senhora Lina Vieira na CCJ para apresentar todas as evidências que não tinham sido demonstradas na última reunião em que a ex-secretária esteve presente", disse o senador Arthur Virgílio (PSDB-AM), autor do requerimento, no documento apresentado hoje.

 

Em agosto, Lina Vieira declarou que teve um encontro não oficial com Dilma Rousseff, quando ouviu da ministra um pedido para agilizar as investigações que a Receita vinha fazendo nos negócios da família Sarney. Lina disse que entendeu "agilizar" como um pedido para encerrar as investigações e confirmou o pedido em uma convocação anterior, na Comissão de Constituição e Justiça. Dilma negou o encontro.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.