PSDB entra com representação contra Lula no TSE

O PSDB impetrou, nesta quinta-feira, representação no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) contra o pronunciamento feito pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), em cadeia nacional de rádio e TV, no dia 30 de abril, em face das comemorações de 1º de Maio, Dia do Trabalho.Para os tucanos, Lula infringiu a Lei Eleitoral, uma vez que se utilizou dos meios de comunicação para realizar "irregular pronunciamento em rede nacional, desbordando para a prática de propaganda eleitoral em período vedado".Na representação, o PSDB pede aplicação de multa e o encaminhamento do processo ao Ministério Público Eleitoral para as devidas providências."Todo o pronunciamento presidencial foi ordenado ao atendimento do interesse político pessoal do Presidente da República, no sentido de comparar sua gestão com os governos anteriores e de divulgar supostas realizações suas, em total desrespeito ao princípio da impessoalidade", diz um dos trechos da representação.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.