PSDB decide por unanimidade votar contra a CPMF

Os senadores do PSDB Flexa Ribeiro (PA) e Álvaro Dias (PR) informaram ao final da reunião-almoço da bancada tucana que o partido vai inteiro votar contra a emenda de prorrogação da Contribuição Provisória sobre Movimentação Financeira (CPMF). "Foram 13 votos a zero", informou Álvaro Dias. O senador Flexa Ribeiro observou que nenhuma nova proposta do governo foi formalizada e afirmou que não há mais tempo para que os governistas apresentem alternativas. "A última tentativa foi a de prorrogar a cobrança da CPMF por apenas um ano e fazer uma reforma tributária, mas não há confiabilidade", afirmou Ribeiro.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.